Profissionais de saúde autônomos serão os próximos a receberem a vacina contra a Covid-19.

02/02/2021
Primeira dose da vacina será aplicada a esses profissionais a partir de quarta-feira (3); por conta do atual estoque de vacinas, foi definido um escalonamento por idade a partir dos 40 anos completos ou mais, segundo a prefeitura.

A partir de quarta-feira (3), os próximos a receberam a vacina contra a Covid-19, em Curitiba, serão os profissionais que atuam como autônomos ou em consultório particular que possuem registros ativos.

Conforme a administração municipal, por conta do atual estoque de vacinas, foi definido um escalonamento por idade a partir dos 40 anos completos ou mais.

Quem se encaixar nesse perfil deve ser avisado através do aplicativo Saúde, com data e horário marcados, e comparecer ao Pavilhão do Parque Barigui, das 8h30 às 17h, para receber a primeira dose. Quem não tiver o aplicativo instalado no celular ou no computador, é preciso baixá-lo e fazer o cadastro.

O aplicativo é o principal canal de informação com a população curitibana durante a campanha de imunização contra a Covid-19. A ferramenta é gratuita e está disponível nas versões IOS e Android, ou ainda pelo computador.

A vacinação contra a Covid-19 na capital começou no dia 20 de janeiro. Os profissionais de saúde que atuam em hospitais começaram a ser imunizados no dia 25 de janeiro.

Também já receberam a imunização pessoas que atuam em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI), pessoas com deficiência severa e indígenas.

Linha de ônibus

Pessoas que precisarem do transporte coletivo para a vacinação contra a Covid-19, em Curitiba, podem acessar uma linha especial que liga o Terminal Campina do Siqueira e o Centro de Eventos do Parque Barigui desde o dia 27 de janeiro.

A linha "X52 – Vacina-Pq. Barigui" vai funcionar de segunda a sábado, das 7h30 às 20h30. De acordo com a prefeitura, a tarifa será de R$ 4,50, como nas demais linhas.

Segundo a prefeitura, a linha é administrada pela Urbanização de Curitiba (Urbs) e permite integração com outros ônibus da capital, por meio dos terminais.

A linha deve funcionar até o fim da vacinação. A Secretaria Municipal da Saúde disse que a aplicação das doses está sendo agendada. Sendo assim, as pessoas não precisam ir até o local para buscar o serviço.

Doses em todo o Paraná

Segundo o governo do Paraná, até segunda-feira (1º), as 399 prefeituras do estado vacinaram 150.434 pessoas contra a Covid-1. A quantidade representa 62,9% das 238.871 doses distribuídas pelo Governo do Estado.

De acordo com as informações, 150.434 aplicações da primeira dose da vacina contra a Covid-19 foram divididas entre 134.030 trabalhadores da saúde, 7.115 indígenas, 156 pessoas com deficiência severa e 9.133 idosos asilados e profissionais cuidadores.

O Paraná recebeu 411.300 doses para imunização contra a Covid-19 enviadas pelo Ministério da Saúde. Foram 265.600 (1º lote) e 19.600 (2º lote) doses da CoronaVac/Instituto Butantan e mais 86.500 doses da vacina produzida pela Universidade de Oxford em parceria com o Laboratório AstraZeneca/Fiocruz.

CARRETA ON LINE

Fonte: G1.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seja o primeiro, faça seu comentário. ;)