Boa direção ajuda a reduzir o desgaste dos pneus e aumentar a economia

18/12/2019
A forma como os motoristas dirigem está diretamente ligada ao desempenho dos pneus. Bons hábitos e estilos cautelosos de condução, nas ruas, avenidas e rodovias são fatores determinantes para manter a segurança dos ocupantes do veículo.

Há uma série de fatores controláveis que podem ser seguidos pelos condutores para garantir o bom desempenho dos pneus, evitando desgaste prematuro e gerando economias.

 Veja abaixo algumas das dicas selecionadas pela Dunlop:

 1 – Evite freadas e arrancadas bruscas: É importante sempre prever com antecedência se existem paradas à frente, como por exemplo em um semáforo, desacelerando o veículo, ou mesmo aplicando o freio-motor, utilizando o freio na proporção ideal. Além das paradas, prestar atenção nas arrancadas com o veículo também é muito importante. Arrancadas bruscas com veículo, com deslizamento e arraste de pneus, fazendo com que os pneus “cantem”, também reduz drasticamente a durabilidade do pneu.

 2 – Respeite os limites de velocidade: Respeite sempre o limite de velocidade permitido e as demais sinalizações, buscando de forma consistente dirigir sempre de forma defensiva/preventiva. Fique atento às condições da via, que podem ter algum tipo de obstáculo que comprometa a dirigibilidade do seu veículo.

 3 – Evite manobras arriscadas: Mantenha um modo de condução preventivo e seguro, antecipando quaisquer obstáculos pela frente e evitando assim manobras arriscadas. A capacidade de antever algum problema à frente, perceber algum tipo de risco e atuar de forma consciente e segura, são fatores que prolongam a vida útil dos pneus e dos componentes do veículo, além de garantir a segurança de todos.

 4 – Evite choques contra obstáculos na via: Bater em obstáculos como refletores de vias, separadores de faixas ou guias, pode causar danos graves aos pneus. Dependendo do impacto, eles podem sofrer ruptura de sua estrutura interna, deformando e provocando bolhas ou cortes, sendo necessária substituição em prol da segurança.

 5 – Cuidado com o sobrecarga: Excesso de peso pode ser responsável por muitos acidentes, por isso, é importante seguir as indicações do fabricante do veículo e a legislação vigente, respeitando a carga máxima suportada por todo o conjunto.

 6 – Ande sempre engrenado: A famosa “banguela”, além de ser ilegal e perigosa, pode provocar sérios danos ao sistema de transmissão do veículo, além de aumentar significativamente o espaço necessário para frenagem. Para uma condução econômica e segura, trafegue sempre com o veículo tracionado. Você sabia que um veículo engrenado, quando se retira o pé do acelerador, por programação do sistema eletrônico, não há consumo de combustível? Esse é mais um motivo para sempre utilizar o motor e câmbio da forma correta, rodar de forma segura e ainda economizar combustível.

Além disso, seguir as regras básicas de manutenção preventiva como: fazer o rodízio dos pneus periodicamente, atendendo ao que é instruído no manual do proprietário ou no termo de garantia dos pneus, ficar atento à pressão de ar, calibrando frequentemente os pneus, conforme manual e sempre a frio, realizar o balanceamento, alinhamento de direção e revisão completa da suspensão, verificar se os pneus estão com desgaste uniforme, se a banda de rodagem não tem pedras e outros objetos perfurantes incrustados, avaliar o flanco em busca de cortes e bolhas, são fatores imprescindíveis para assegurar um rodar seguro e confiável. Todas estas precauções aliadas à forma correta de dirigir, proporcionam economia aos motoristas, aumentando a vida útil dos pneus e dos componentes do veículo.

Por caminhoneirosdotrecho

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seja o primeiro, faça seu comentário. ;)